A CURA? DIA HISTÓRICO: DEXAMETASONA reduz mortalidade nos casos graves do covid-19. ~ Portal do Helvécio Martins

terça-feira, 16 de junho de 2020

A CURA? DIA HISTÓRICO: DEXAMETASONA reduz mortalidade nos casos graves do covid-19.

GRAÇAS A DEUS. Finalmente uma luz no fim do túnel. Dexametasona reduz a mortalidade nos casos graves de covid-19.
O relato é do Dr. Clóvis Arns da Cunha, Presidente da SBI (Sociedade Brasileira de Infectologia). A dexametasona que é uma medicaçao barata, universal, foi testada e comprovada que reduz a mortalidade nos casos graves de covid-19. O estudo RECOVERY da Universidade de Oxford acaba de publicar os resultados preliminares, " Finalmente temos uma boa nova ", afirma.
Temos o primeiro tratamento farmacológico para covid que mostrou impacto em reduzir a mortalidade ! Finalmente temos uma “boa nova” !
Como temos insistido desde o início da pandemia de covid , os estudos clínicos RANDOMIZADOS e COM GRUPO CONTROLE é que devem nortear nossa conduta de “como tratar covid” ?
O estudo RECOVERY da Universidade de Oxford acaba de publicar os resultados preliminares de estudo randomizado com grupo controle que comparou dexametasona x grupo controle que demonstrou que a dose de 6mg de dexametasona por via oral ou por via endovenosa 1x/dia por 10 dias que demonstrou:
1) redução de mortalidade (em 28 dias) de 1/3 (33,3%) nos pacientes com covid em ventilação mecânica (VM);
2) redução de mortalidade (em 28 dias) de 1/5 (20%) nos pacientes necessitando de oxigênio e que não estão em VM;
3) não houve diferença nos pacientes que não necessitam de oxigênio.
Conclusão prática: todo paciente com covid em ventilação mecânica e os que necessitam de oxigênio fora da UTI devem receber dexametasona via oral ou endovenosa 6mg 1x/dia por 10 dias.
Medicação barata e de acesso universal.
Dia histórico no tratamento da covid-19 ! Finalmente podemos compartilhar uma boa nova !
Dr Clóvis Arns da Cunha, Presidente da SBI (Sociedade Brasileira de Infectologia)


0 comentários:

Postar um comentário