sábado, 8 de junho de 2019

ABSURDO: Mãe denuncia maus-tratos a filho de 2 anos em creche de Fortaleza; polícia investiga o caso

A criança apresenta marcas de mordidas e arranhões e passou por exame de corpo de delito. Secretaria Municipal de Educação afirma que o incidente ocorreu entre crianças da mesma sala e faixa etária.


Uma mãe denunciou que o filho de dois anos e meio foi vítima de maus-tratos em uma creche municipal de Fortaleza, após a criança apresentar arranhões no corpo e no rosto, machucados e marcas de mordidas. O menino passou por exame de corpo de delito e o caso foi registrado na Delegacia de Combate à Exploração da Criança e Adolescente (Dececa) em 31 de maio. A criança ficava aos cuidados da creche União, no Bairro Paupina, desde que tinha pouco mais de um ano de idade, no período de 7h às 16h, durante a semana. No último dia 29 de maio, o menino voltou pra casa com mais de 10 marcas de mordidas pelo corpo e arranhões, afirma a mãe, que não quis ter o nome identificado. "Eu deixava ele na creche pra poder trabalhar. Já vinha acontecendo dele chegar com algumas marcas, eu perguntava e ela [a professora] dizia que ele ou tinha caído ou ela não tinha visto. Uma vez ele chegou machucado no rosto. Resolvi falar com a coordenadora, falei que vinha acontecendo isso. A coordenadora falou que ia falar com a professora e isso não ia mais acontecer", conta a mulher. A Polícia Civil informou que a Delegacia de Combate à Exploração da Criança e do Adolescente (Dceca) investiga o caso de lesão corporal, registrado em boletim de ocorrência no dia 31 de maio. Detalhes da ocorrência não foram repassados para não comprometer o trabalho policial.

G1

0 comentários:

Postar um comentário