Ads 468x60px

terça-feira, 3 de outubro de 2017

DOMINGOS FILHO E AUDIC MOTA: A queda de braço político que estremece os Inhamuns e o Ceara


O que dizer de uma grande amizade pessoal ontem, que se transformou em um dos maiores embates político local(Taua), regional(Inhamuns), estadual e até em nível nacional hoje. 
A lua de mel política entre ambos durou pouco, mas o suficiente para mostrar que o Conselheiro do Tribunal de Contas dos Municípios(TCM) Domingos Gomes de Aguiar Filho e o Deputado Estadual Audic Cavalcante Mota Dias(PMDB), tem luz própria, são inteligentes, corajosos, determinados e craques na arte da articulação política. São líderes com bastante sangue nos olhos e não tem medo de enfrentar os desafios.       

O Conselheiro Domingos Filho, e o Deputado Estadual Audic Mota (PMDB), antes se tornaram grandes amigos pessoais e políticos tipo carne e unha. Domingos Filho, era Deputado Estadual e Presidente da Assembleia Legislativa do Ceara. Audic Mota, substituíra seu pai Luiz Bibiano (Vereador de 5 mandatos), e se tornou sangue novo na politica. Vereador eleito ele chegou a ser Presidente da UVC(União dos Vereadores do Ceara) com apoio de Domingos Filho e grupo. Hoje os caminhos dos dois estão divididos, opostos, e cada um segue o seu rumo sem deixar de travar os bons duelos jurídicos.

Ontem o Conselheiro Domingos Filho, era aliado do Governador Camilo Santana e do grupo dos irmaos Ferreira Gomes Cid e Ciro. Foi Presidente da Assembleia Legislativa, vice-Governador do Ceará e Conselheiro do TCM, com apoio desse grupo. O filho Domingos Neto, um dos deputados federais mais bem votados e a esposa Patricia Aguiar, Prefeita de Tauá, tudo perfeito. O Vereador Audic, sonhava com uma candidatura a Deputado Estadual, não recebeu apoio de Domingos Filho. Teve coragem se lançou candidato e foi eleito com 28.509 votos. Rompidos, Domingos Filho e Audic Mota, travaram uma segunda guerra politica pela Prefeitura de Tauá. A eleição para surpresa de todos foi vencida pelo grupo do Deputado Audic, que ajudou a eleger seu primo o médico Carlos Windson Mota(PR) derrotando a Prefeita Patricia Aguiar(PSD), esposa de Domingos Filho.

Depois de dois embates vencidos por Audic Mota, ocorreu um terceiro que culminou com o rompimento do Conselheiro Domingos Filho com o Governador Camilo Santana e os irmaos Ferreira Gomes Cid e Ciro. Foi na eleição para presidência da Assembleia Legislativa do Ceará. Um grupo liderado pelo Conselheiro Domingos Filho, apoiou a candidatura de oposição com o Deputado Sergio Aguiar(PDT), contra a reeleição do Deputado Zezinho Aguiar(PDT) pela situação. Antes da votação o Deputado Audic Mota(PMDB), que era adversário e fazia parte da oposição passou a se compor com Zezinho Albuquerque, que foi eleito, e ficou com a 1ª Secretaria da AL. Ao mesmo tempo com o rompimento de Domingos Filho, Audic Mota, passou a ocupar sua vaga no grupo do Governador Camilo e dos irmaos Ferreira Gomes. 

Adversários figadais Audic Mota, hoje aliado do Governador Camilo Santana, os irmaos Ferreira Gomes e ainda com apoio do suplente de Senador Chiquinho Feitosa e o ex-Deputado Idemar Citó, procura manter na prefeitura de Tauá o Prefeito Carlos Widson Mota. Enquanto que o Conselheiro Domingos Filho e seus aliados tentam afastá-lo baseado em pendencias eleitorais. A briga é boa, teve começo e parece que não terá fim.

Portal do Helvecio   


0 comentários:

Postar um comentário