Ads 468x60px

sexta-feira, 16 de junho de 2017

RIO GRANDE DO NORTE DE LUTO: Ex-governadora do RN, Wilma de Faria morre, aos 72 anos,


Ex-governadora do Rio Grande do Norte por dois mandatos e primeira mulher a ocupar o posto, Wilma de Faria morreu na noite desta quinta-feira em Natal, aos 72 anos. Wilma convivia com um câncer no sistema digestivo há mais de dois anos, quando passou por tratamentos quimioterápicos e algumas cirurgias em São Paulo e Natal. Estava desde o dia 3 de junho na Casa de Saúde São Lucas, onde permaneceu até agora quando morreu por falência múltipla de órgãos.

A ex-governadora cumpria mandato de vereadora da capital potiguar na atual legislatura, mas estava afastada das funções desde o dia 18 de abril para tratamento de um câncer. Nascida em Mossoró e professora da Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Wilma foi casada com o ex-governador do estado, Lavoisier Maia (PSDB-RN). Iniciou sua carreira na política em 1986, quando foi eleita deputada federal. Em 1988, foi eleita prefeita de Natal. Voltou a ser prefeita da capital em1996 e foi reeleita em 2000.


Em abril de 2002, Wilma renunciou ao mandato de prefeita para disputar o governo do estado. Saiu vitoriosa do pleito e, em 2006, foi reeleita governadora. Wilma ainda se candidatou ao Senado em 2010, mas não venceu.

Em 2012, saiu candidata a vice-prefeita na chapa de Carlos Eduardo (PDT). A chapa foi eleita e ela cumpriu o mandato. Em 2014, voltou a tentar uma vaga no Senado, mas foi derrotada por Fátima Bezerra (PT). Em 2016, deixou o PSB, assumiu a presidência do PTdoB e se candidatou a vereadora em Natal.

Portal do Helvecio


0 comentários:

Postar um comentário