Ads 468x60px

sexta-feira, 10 de março de 2017

Com 46 antecedentes criminais, trio é preso durante operação policial em Fortaleza


Um trio de assaltantes que integrava a lista de criminosos mais procurados do Ceará foi preso nesta semana. Francisco Wanderson da Silva Sousa (Zé da Barra), 28, Joelino Costa da Fonseca (Jucá), 34, e Wellington Matias de Moura (Pequeno), 40, já tinham passagens pela polícia e estavam foragidos.

Os três homens são envolvidos em ataques a banco e, juntos, já somam 46 antecedentes criminais. Para chegar até os suspeitos, uma operação conjunta entre Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE), por meio da Delegacia de Roubos e Furtos (DRF), Polícia Militar, por meio do Batalhão de Polícia de Choque (BPChoque), e Coordenadoria Integrada de Inteligência da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS).

De acordo com o delegado Raphael Vilarinho, titular da DRF, os presos são assaltantes considerados de  altíssima periculosidade. “É uma resposta que a Polícia vem dando aos recentes ataques a banco que tivemos aqui no Estado. São prisões muito importantes”, destaca.

Mandados em aberto
Eles possuíam mandados de prisão em aberto e são foragidos da Casa de Privação Provisória de Liberdade I (CPPL I), em Itaitinga. Eles foram capturados quando chegavam a uma residência situada na Avenida Miguel Aragão, no Bairro Mondubim. Dois deles ainda tentaram enganar os policiais se identificando com nomes falsos, mas logo a farsa foi descoberta. No momento da abordagem, eles confessaram que teriam ido ao local na intenção de se reunirem para planejarem novas investidas criminosas.

Com eles, também foram apreendidos três documentos falsificados, cordões dourados e relógios, além de um veículo VW Fox, de cor prata e placas PMT 9549.

DN/Portaldohelvecio

0 comentários:

Postar um comentário