Ads 468x60px

terça-feira, 29 de novembro de 2016

TROCA DE TIROS: Três suspeitos da morte de Sargento PM são mortos



A operação da Polícia Civil com apoio da Polícia Militar de Sobral para prender os suspeitos da morte do sargento George Sousa e Silva, de 40 anos, resultou em três mortos durante confronto e apreensão de duas armas, no bairro Alto Novo, em Sobral, a 250 quilômetros de Fortaleza. As informações são do delegado regional de Sobral, Otávio Coutinho. O PM havia sido morto no posto de trabalho, na Casa do Albergado, da Secretaria da Justiça (Sejus), em que são recolhidos presos em regime semiaberto. 

Após levantamentos da Polícia Civil foi descoberto que a morte do policial havia sido ordenada de dentro de dentro da casa do Albergado de Sobral. "Houve uma desavença entre o grupo de policiamento e um dos albergados e eles resolveram revidar. O mandante ainda estamos tentando indenficar, mas a desavença seria com um subtenente que trabalha no mesmo posto policial nesse turno", revela. 

O titular da Regional de Sobral afirmou que dois dos que morreram durante o confronto participaram da execução. E o terceiro teria tentado contra a vida dos policiais durante o confronto e acabou baleado. Todos morreram no local e a perícia foi acionada. 

O delegado informou que estavam no local uma pistola e um revólver que devem ser periciados. A casa em que o trio estava seria uma espécie de esconderijo. 

 De acordo com o tenente-coronel Assis Avevedo, responsável pelo 3º Batalhão da Polícia Militar (BPM), e responsável pela Área Integrada de Segurança (AIS 12), houve o monitoramento e foi localizado o esconderijo dos suspeitos, a partir daí foi feito um cerco e os homens não se renderam. 

"Eles atiraram e houve o revide. Nossa vontade é que tivessem se entregado com vida, mas infelizmente eles atiraram", lamentou o oficial. 

O povo


0 comentários:

Postar um comentário