Ads 468x60px

domingo, 20 de novembro de 2016

IRACEMA, ARNEIROZ E LAVRAS DA MANGABEIRA: Peça com Camila Pitanga chega a três cidades cearenses



Camila Pintava está no elenco de "O Duelo", que terá sessões gratuitas no Ceará
A atriz Camila Pitanga vai se apresentar, gratuitamente, em três municípios do sertão cearense (Iracema, Arneiroz e Lavras da Mangabeira) com o espetáculo "O Duelo".
A nova temporada da peça por aqui começa na próxima quinta-feira (dia 24) em Iracema, com sessões diárias até o próximo domingo (27). Já em Arneiroz, as apresentações vão do dia 1º ao dia 4 de dezembro. O encerramento da temporada será em Lavras da Mangabeira, do dia 8 a 11 de dezembro. 
Com 3h20 de duração e 20 minutos de intervalo, as apresentações estão previstas para começar às 19h. Não foram divulgados ainda os locais dos palcos que vão receber a montagem. A cada dia de apresentação serão distribuídos 100 ingressos gratuitos, sempre às 14h.


"O Duelo", baseada em novela homônima do escritor russo Anton Tchekhov, veio a Fortaleza em agosto de 2013, no Theatro José de Alencar, chegando a percorrer municípios do sertão, com pesquisa, oficinas e ensaios abertos ao público. 
“Quando estávamos fazendo residência artística no sertão do Ceará, fomos incorporando à linguagem do espetáculo elementos plásticos e estéticos que tornam esta região brasileira semelhante ao Cáucaso, lugar onde se passa a trama. O calor, as conversas nos balneários, as noites claras, as cadeiras nas calçadas, a bebida alcoólica no dia a dia das pessoas, o provincianismo, o machismo... são alguns desses elementos. Como sou de origem sertaneja, de Lavras da Mangabeira, quis levar a companhia da qual faço parte para aquele trabalho de pesquisa e ensaios nas cidades do interior do Ceará. Agora, três anos depois, vamos fechar o ciclo deste trabalho com quatro apresentações em cada uma dessas cidades”, explica o ator, produtor, co-fundador e diretor da mundana companhia, Aury Porto.

As cidades, explica Aury, não foram escolhidas ao acaso. Estão localizadas em regiões diferentes do Estado, têm poucos habitantes como a cidade do enredo, e carregam em suas histórias o drama do duelo através da prática da pistolagem
“A história dos personagens em Tchekhov é feita de rupturas, do estrangeiro que se sente deslocado, do preconceito, do confronto ideológico dentro da pequena burguesia, do desencontro amoroso e do ódio pelas diferenças. Curiosamente, no início da atual divisão ideológica da sociedade brasileira, durante as manifestações de junho de 2013, estávamos fazendo a nossa pesquisa naquelas cidades. Agora, temos o dever de trazer essa componente política com mais clareza e força para o nosso espetáculo”, declarou Porto, citando ainda que será realizado um debate em cada cidade sobre educação, teatro e política.
Com patrocínio da Petrobras Distribuidora, a montagem, dirigida por Georgette Fadel, tem no elenco também Carol Badra, Guilherme Calzavara, Mariano Mattos Martins, Otávio Ortega, Pascoal da Conceição e Vanderlei Bernardino

Portal do Helvecio

0 comentários:

Postar um comentário