Ads 468x60px

segunda-feira, 13 de junho de 2016

PRIUS o Híbrido da Toyota: O veículo mais economico do Brasil custa R$ 119.950. Veja


Visual esporte A união do desempenho ecológico com o design de um esportivo 
A traseira não tem meio termo: chama atenção mesmo pelos faróis em forma de bumerangue e a traseira alta, um misto de sedan, fastback e cupê
O híbrido mais vendido do mundo desembarca do Japão surpreendendo. Seu preço é R$ 119.950, o que significa ser o veículo mais barato do seu segmento. E mais: segundo o Inmetro, é o carro mais econômico do Brasil. Ele faz 18,9 km/l na cidade e 17 km/l na Estrada. Seu propulsor combina um motor a gasolina de 1.8 l, com 98 cv de potência e outro elétrico de 72 cv. A potência combinada resulta em 123 cv.
O lançamento para a imprensa especializada foi em Brasília, na Embaixada Japonesa no Brasil. Já o test drive foi na zona urbana da capital federal, em quase 100 km de direção e tendo como cenário o Congresso Nacional, a Esplanada dos Ministérios e a belíssima Catedral, obras do arquiteto Oscar Niemeyer. Passamos também pelo belo bairro de Águas Claras.
Se você gosta de carros que chamam a atenção pelo estilo, o design diferente e quer um desempenho diferente na direção, sem barulho, emissão de poluentes e economizar na bomba de combustível, o Prius é o veículo ideal.
O veículo possui itens que elevam o bem estar a bordo, como o ar-condicionado de duas zonas com comando S-Flow, capaz de concentrar o fluxo de ar apenas nas áreas da cabine onde há ocupação. O carro tem ainda como itens um carregador de celular sem fio, sistema de navegação integrado, display colorido e TV digital.
Como funciona um híbrido
Mas é no desempenho que o carro faz a diferença. No teste que fizemos deu para perceber como o silêncio a bordo deixa o condutor menos estressado. O híbrido da Toyota combina um motor a combustão com outro elétrico.
Ao ligar o carro e em baixas velocidades e rotações, o elétrico funciona, economizando gasolina e deixando o meio ambiente mais feliz. Se a carga da bateria chegar a um nível crítico, o motor a gasolina entra em ação.
Quando a velocidade está constante, uma central eletrônica inteligente monitora as condições de percurso, balanceando o uso dos motores e otimizando a eficiência de combustível. E na hora de acelerar, o que exigiu mais torque e potência, o motor a gasolina auxilia o elétrico. O detalhe que faz a diferença acontece quando em momentos de desaceleração e frenagem: o motor elétrico passa a exercer a função de gerador, transformando a energia cinética das frenagens na energia elétrica que recarrega a própria bateria do sistema híbrido.
Quando parei no semáforo, por exemplo e não há demanda de recarga de bateria, o sistema híbrido desliga os motores provisoriamente, deixando de consumir combustível. Um leve toque no acelerador e pronto, ele religa os motores instantaneamente.
A experiência ao conduzir o Prius foi super prazerosa e instigante - foi como se o futuro já estivesse no presente. Por dentro o habitáculo também é envolvente e recheado de tecnologia. Destaque para o câmbio, que lembra um joystick de vídeo game.
O sistema multimídia contempla rádio AM/FM, CD e MP3 player, conexões Bluetooth, USB e AUX, além de sistema de navegação em uma tela de 7" sensível ao toque. Já o computador de bordo possui um monitor TFT com dois visores de 4.2 polegadas. Nele, o motorista pode personalizar o conteúdo da tela principal com suas preferências, com a velocidade do veículo, quantidade de combustível restante, indicador do modo de condução (Power, ECO, Normal e EV), temperatura externa, distância percorrida após a partida, média de combustível, entre outras informações.



Por dentro, mais tecnologia e informações sobre o consumo de combustível e da bateria, além do sistema de entretenimento

Mercado
O Prius já vendeu 5,7 milhões de unidades em mais de 90 países. No Brasil, foi lançado em 2012 e vendeu 783 unidades de lá para cá. Com o bom preço, o design arrebatador e o desempenho imbatível, deve mudar a história dos híbridos no País.
FICHA TÉCNICA
Motor: 1.8 16V VVT-i a gasolina de 98cv e elétrico de 72cv
Potência: 98 cv /72 cv (eletrico)/123 cv (potência combinada)
Câmbio: Automático
0-100 km/l: 11 segundos
Consumo: 18,9 km/l (cidade) e 17 km/l (estrada)
Preço: R$ 119.950
Fonte: Toyota do Brasil

DN
Portal do Helvecio

0 comentários:

Postar um comentário