Ads 468x60px

segunda-feira, 6 de junho de 2016

Crateús e Novo Oriente: Policia Civil Regional incinera 30 kilos de maconha e pasta para cocaina e crack

A Polícia Civil do Estado do Ceará, por meio da Delegacia Regional de Crateús – Área Integrada de Segurança 14 (AIS 14) incinerou, mais de 30 quilos de drogas, entre maconha e pasta base para a fabricação de cocaína e crack. Os entorpecentes foram apreendidos em operações policiais realizadas desde 2014. No mesmo dia, duas “bocas de fumo” foram desativadas pelos policiais civis. Todo o material apreendido foi encaminhado à Delegacia.

A operação para a incineração das drogas teve início às nove horas. O material foi escoltado pelos policiais até a cerâmica São Lucas, localizada na Rua Abdias Ximenes de Abraão Filho, no bairro Altamira, em Crateús. Cerca de 10 policiais civis participaram da queima.

Segundo o delegado Juliano de Almeida, titular da Delegacia Regional, a maioria dos entorpecentes foi apreendida em Crateús e na cidade de Novo Oriente. Porém, também houve apreensões menores, em todas as cidades sob a responsabilidade da Regional. Foi a primeira vez que a Polícia Civil realizou a incineração dos narcóticos na cidade.

“Bocas de fumo” 
No início da noite, dando continuidade às ações de combate ao tráfico de drogas na cidade, dois pontos de vendas ilegais foram desativados. No primeiro, localizado na Rua Coronel Antônio de Melo, foram apreendidas uma motocicleta supostamente roubada, capacetes, aparelhos celulares e uma pequena quantidade de drogas, além de bala clava e embalagens plásticas.

De acordo com as apurações desenvolvidas pelos investigadores, o traficante responsável pelo local, além de envolvimento com o tráfico de drogas na região, também é investigado por roubo.

Já no segundo ponto, que fica na Rua Cazuza Ferreira, no bairro Cidade Alta. Os policiais apreenderam aproximadamente R$ 300,00, aparelhos eletrônicos como uma televisão, três DVDs, um aparelho celular e uma pequena quantidade de crack. O suspeito conseguiu se evadir do local fugindo por um rio que corre próximo a sua residência.

Os materiais foram encaminhados à delegacia, onde foi instaurado um inquérito policial por portaria. As investigações continuam no sentido de prender os suspeitos, que já estão devidamente identificados.

Ainda conforme o delegado Juliano de Almeida, as operações realizadas pela Polícia Civil em cidades da região, desde o início do ano, resultaram em mais de 15 “bocas de fumo” desativadas. Cinco delas somente em Crateús. As ações policiais resultaram ainda em mais de dez pessoas presas e em apreensões de drogas e armas. “A colaboração e o apoio da população tem sido fundamentais para o sucesso dos trabalhos desenvolvidos pelos policiais. Isso é um estímulo para continuarmos no combate ao tráfico de drogas na região”, considerou. 

Portal do Helvecio

0 comentários:

Postar um comentário