Ads 468x60px

quarta-feira, 6 de abril de 2016

Renan arquiva pedido de afastamento de ministro Marco Aurélio Mello

Quem abre a página desse pessoal do MBL(Movimento Pais Livre), vai ver que são parciais e a serviço de só atingir um lado, um objetivo, a Presidente Dilma, Lula e outros que são ligados ao PT. Na realidade a página deveria tambem ter pedido o afastamento do Ministro Gilmar Mendes e do próprio Juiz Moro, que exercem papeis de parcialidade na operação lava jato. 
MBL NAO REPRESENTA O POVO BRASILEIRO. VAO PROCURAR O QUE FAZER!

O presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), anunciou em plenário nesta quarta-feira (6) que arquivou o pedido de impeachment do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Marco Aurélio Mello. O pedido foi elaborado pelo grupo Movimento Brasil Livre (MBL).
Nesta quarta-feira, o coordenador nacional do MBL, Rubens Nunes, foi até o Senado paraprotocolar o pedido de impedimento do magistrado por crime de responsabilidade.
Para Nunes, Marco Aurélio “feriu o princípio da independência dos Poderes” ao determinar que a Câmara dos Deputados acatasse pedido de impeachment do vice-presidente Michel Temer. Para Renan Calheiros, o ministro não incorreu em crime de responsabilidade no ato.
De acordo com a Constituição Federal, cabe ao Senado “processar e julgar os ministros do Supremo Tribunal Federal, os membros do Conselho Nacional de Justiça e do Conselho Nacional do Ministério Público, o procurador-geral da República e o advogado-geral da União nos crimes de responsabilidade”.
Portal do Helvecio

0 comentários:

Postar um comentário