Ads 468x60px

sábado, 13 de fevereiro de 2016

Cid afirma que erros de Lula são insignificantes perto dos acertos










Em meio a uma série de denúncias contra o ex-presidente Lula (PT), Cid Gomes saiu em defesa do petista.

Em meio a um cerco investigativo envolvendo um sítio e um apartamento, o ex-presidente Lula foi defendido ontem pelo ex-governador Cid Gomes (PDT) durante inauguração da Escola de Tempo Integral Professora Maria José Ferreira Gomes, no bairro Presidente Vargas. 
"O Lula é um homem que cometeu erros ao longo da sua vida pública, e certamente esses erros são insignificantes perto do bem que ele fez ao Brasil. Ele é que é o grande responsável por essa mudança que o Brasil está vivendo hoje, que é uma mudança positiva", afirmou em entrevista
Avaliando o cenário político nacional, o ex-governador afirmou ainda que o País passa por um processo de consolidação e fortalecimento das instituições e que nenhum político ou "poderosos de colarinho branco" estão imunes às investigações ou possíveis prisões caso necessárias.
Recém-filiado ao PDT, partido aliado ao Governo Federal, Cid voltou a criticar um grupo de partidos que faz oposição ao governo da presidente Dilma Rousseff. "A direita brasileira não se conforma com isso (mudança do País) e vai querer destruir a imagem do Lula. A história vai se encarregar de dar ao Lula a posição de destaque, de relevo, que ele verdadeiramente tem".
Participando de mais um evento público ao lado do prefeito Roberto Cláudio (PDT), o também ex-ministro da Educação aproveitou a entrevista para defender a gestão do aliado político que busca a reeleição no final deste ano. A defesa passou por uma crítica indireta à ex-prefeita e ex-aliada política, a deputada federal Luizianne Lins (PT).
"A educação pública em Fortaleza sofreu muito durante muitos anos, mas sob a administração do Roberto Cláudio começa a se recuperar. Ele agora começa a recuperar a rede que estava um desastre", alfinetou.
Homenagem
Cid Gomes e seus irmãos Lúcio Gomes, Ivo Gomes e Lia Gomes compareceram, na noite de ontem, ao bairro Parque Presidente Vargas, ao lado de aliados políticos da Capital e do Interior, para inauguração da escola de tempo integral que homenageia sua mãe Maria José Ferreira Gomes, que foi professora e faleceu no ano passado. Ciro Gomes não esteve presente.

"Mamãe dedicou a vida dela inteira à educação. Foi professora de escola pública e certamente está feliz de ter sido lembrada em um equipamento que vai proporcionar uma vida melhor para muitas crianças na periferia de Fortaleza", afirmou o ex-governador.
Bastidores
Uma banda de forró foi convidada pela Prefeitura para tocar os hits do Carnaval para a população local no ato da inauguração da escola.O público cantou e dançou um dos principais sucessos do Carnaval deste ano, a “Metralhadora” da banda Vingadora.
Vereadores e deputados aliados ao prefeito estiveram presentes. A inauguração teve ares de campanha eleitoral.
O governador Camilo Santana (PT) acabou escalando a vice-governadora Izolda Cela (Pros) para 

representá-lo na inauguração. Em outras oportunidades, o petista tem feito questão de comparecer aos eventos públicos ao lado do prefeito Roberto Cláudio (PDT).

Helvecio Martins

0 comentários:

Postar um comentário